Mioma na Gravidez

Quando a mulher engravida e tem mioma, este não oferece riscos ao bebê dependendo do seu tamanho, entretanto é preciso ficar atenta, uma vez que pode aumentar o sangramento. Isso sim até o terceiro mês de gestação pode ocasionar um aborto. A gravidez também pode fazer com que o mioma fique maior. O acompanhamento médico mais rigoroso é importante durante toda a gestação.
Existe ainda o risco de descolamento da placenta em casos em que o mioma está localizado na região onde o bebê se hospeda.
Outro fator que também pode acontecer é um parto prematuro em casos em que o mioma é muito grande e causa sangramento.
Para todos os casos o melhor é estar bem acompanhado por um especialista que assegure uma gravidez e parto tranquilos.
Durante a gravidez não há necessidade de tratar o mioma, recomenda-se, no entanto repouso e, a partir de indicação médica, o uso de analgésicos pode ajudar no alívio das dores.

Com relação ao tipo de parto, cabe ao paciente decidir junto ao médico qual será a melhor opção. Quando o mioma é muito grande pode ser que seja um parto mais doloroso e com sangramentos maiores.

Caso a mulher com Mioma em crescimento tenha o desejo de engravidar, é recomendado um tratamento intervencionista, de acordo com o diagnóstico detalhado. Desta forma ela vai estar mais segura durante a gestação.